O mítico Lagarto tatu (Cordylus cataphractus)

O Armadillo Lizard (Cordylus cataphractus) é um lagarto endêmico das áreas desérticas do sul da África. Também é conhecido como Lagarto cintado e Lagarto Tatu de Ouro.

O Lagarto tatu pode variar do castanho claro ao marrom escuro na coloração, dependendo da subespécie. O ventre é amarelo com um padrão escuro, especialmente sob o queixo. Seu tamanho varia de 16-21 cm de comprimento. Cresce até 10,5 centímetros de comprimento do focinho a cauda.

 

O habitat natural do lagarto são os afloramentos rochosos. É diurno. Ele se esconde nas fendas e fissuras da rocha. Ele vive em grupos sociais de 30 a 60 membros, mas os machos são geralmente menos territoriais, protegendo o território, e o acasalamento com as fêmeas dá à luz a um ou dois filhotes, a espécie é um dos poucos lagartos que não coloca ovos. A fêmea pode até alimentar os seus filhotes, que também é incomum para um lagarto.

O Armadillo Lizard vive principalmente de pequenos invertebrados, como insetos e aranhas. As suas presas mais comuns são os cupins Microhodotermes viator e Hodotermes mossambicus. Ele pode viver até 25 anos em cativeiro, ou um pouco mais em casos mais raros.

Ouroborus
O Armadillo Lizard possui uma adaptação antipredador que o torna incomum, ele coloca o seu rabo na boca e rola como uma bola quando assustado. Desta forma ele está protegido dos predadores pela espessura das escamas ao longo de seu corpo e os espinhos na cauda. Este comportamento, que se assemelha a dos tatus, lhe dá o nome comum. Esse comportamento pode ter inspirado o Ouroborus a criatura mítica.

Deixe uma resposta