O imponente Husky Siberiano

Como o próprio nome já diz, o Husky teve origem na Sibéria. Caracterizado como cão de trabalho, pertence ao grupo do tipo primitivo. Esbanja vigor, resistência e agilidade. Foi muito utilizado como cão de tração e de trenó. No século XX ficou popular nos Estados Unidos e no Canadá. Durante a Segunda Guerra, muitos cães da raça trabalharam em equipes de busca e salvamento do exército americano.

É capaz de suportar temperaturas baixas por possuir duas camadas de pelo. O subpelo do Husky Siberiano é sedoso, espesso e um pouco lanoso. A pelagem externa é densa, comprida, sedosa e suave.

Podemos encontrar exemplares de todas as cores, inclusive no branco. A altura varia de 50 a 60 cm e o peso de 16 a 28 kg. É um cão muito sociável e adora ficar na companhia de seus donos ou com outros animais.

Divertido, independente, inteligente, aventureiro, teimoso, travesso, alerta, e obstinado são alguns dos adjetivos atribuídos à raça. Precisam de espaço, exercícios diários e adoram correr. A falta de atividade pode estimular comportamentos indesejados, como o hábito de uivar, cavar e roer.

Seu pelo precisa ser escovado de uma a duas vezes por semana, mas durante as trocas de pelo a escovação deve ser diária. Os banhos podem ser mensais. Merecem atenção especial aos olhos pois existe uma predisposição da raça a desenvolver problemas oftálmicos. Uma raça imponente e encantadora. Não há como não se apaixonar.

Fonte: Época

Um comentário em “O imponente Husky Siberiano”

Deixe uma resposta