Borboletas pousam em você com um único objetivo: Reprodução

Borboletas causam fascínio em muita gente. Apaixonados viajam o mundo para observá-las (butterfly watching) e já existem clubes (principalmente nos Estados Unidos e na Inglaterra), livros de identificação, lista de espécies e festivais relacionados à atividade. Há também quem acredite que esses pequenos seres alados podem fazer o seu azar desaparecer ao pousarem em você. No entanto, esse ato tão singelo está cheio de segundas intenções.

O que para nós é sinal de boa sorte, para os insetos é questão de sobrevivência. O néctar é a fonte primária de energia das borboletas, mas esse líquido açucarado, produzido pelas flores, não contém todas as substâncias necessárias à vida desses animais.

Sais minerais são essenciais à reprodução das borboletas, especialmente para os machos que precisam de nutrientes específicos para a produção do espermatóforo (uma espécie de cápsula que contém o esperma). Eles farão qualquer coisa para conseguir passar seus genes para a próxima geração.

Além de se reunirem em grandes grupos em volta de pequenas poças, os “borboletos” procuram outras fontes de nutrientes, incluindo urina, fezes e suor. Assim, uma borboleta que pousa em nós quer os minerais contidos nas gotas de suor que produzimos. Ela só está pensando na reprodução.

É possível se aproveitar desse comportamento para atrair os insetos e observá-los mais de perto. Você pode montar um “restaurante de borboleta” colocando um pouco de saliva na ponta do dedo. É preciso paciência, e não funciona com todas as borboletas, mas aumenta a chance de sua sorte mudar para melhor.

0

Fonte: National Geographic

Deixe uma resposta